segunda-feira, 15 de setembro de 2008

A Arte de envelhecer

Viva, viva, viva o momento presente.
Não deixe para amanhã o que pode fazer hoje.
Observe-se o bastante para não se enganar sobre si mesmo.
Corrija as sua falhas com diligência e coragem.
Ria de si mesmo.
Seja equânime e justo.
Seja Verdadeiro e cuidadoso com as pessoas.
Dê sem pensar em retorno, nunca.
Prepare-se para ser o professor em vez do aluno.
Tenha compaixão pelo sofrimento alheio.
Sempre tente ajudar.
Sua linguagem agora é a paciência.
Mesmo que não queira, ela nasce numa determinada idade...
Limpe o Seu carma e o de sua família praticando boas ações e dedicando o mérito para o benefício de todos os seres;
Assim você estará preparando o seu futuro,sua velhice, sua madurez.
Prepare-se para morrer um dia, pergunte-se o que vai responder quando for indagado:
"-O que você tem para nos mostrar da sua vida?"
Porque você será indagado, seja ateu ou devoto.
Você dará vários nomes a isso.
Essa energia:Buda, Cristo, Deus, Energia, Vida, Mente, Psique, Eu mesmo.
Mas ela estará lá, dentro/fora de você,como sempre esteve e estará.
Observe a natureza, o tao.
Tudo nasce, tudo morre, tudo tem um ciclo.
Viva os seus ciclos com paixão, sem medo.
É a sua vida!!!

6 comentários:

Luiz disse...

"Envelhecer não é uma doença mas uma arte e pode trazer extraordinárias recompensas O começo do envelhecimento pode ser tão gradual que muitas vezes nos surpreendemos ao descobrir que, um dia, ele nos atingiu por inteiro."

Viajante disse...

"Envelhecer tem bênçãos surpreendentes."

Leunamme disse...

A velhice concentra tanto as energias da mente como as do corpo, levando muitos a terem novas eclosões de criatividade, de faculdades perceptivas e de intensidade espiritual.

Polonius disse...

Ficar velho. Ficar mais experiente. Esse é o objetivo da vida. Crescer, buscar a ascensão. Tudo isso envolve uma arte. A complexa arte de envelhecer. ...

Olho Vivo disse...

O importante não é acumular muitos anos de vida, mas adquirir sabedoria em todos os momentos que os anos nos oferecem.
Afinal, envelhecer é obrigatório, amadurecer é opcional.

Eu, eu mesma e Irene disse...

Não importa como foi q. a velhice chegou.Importa ter(aprendido) aproveitado a dor para aprender a curar-se. Incorporar no corpo e na alma que nada é mais forte que o Amor por si e pelo próximo. Acredito até que só desta forma, podemos nos julgar maduros. VENCER TUDO isso q. estou vendo por ai, só mesmo com muito fé no Amor para chegarmos a velhice...A uma velhice "decente"
*A tua postagem me faz associar com a do Luiz, de certa forma.
OBS;POR FALAR NISSO: "A velhinha aqui tá com saudade de você, tá meu bem?" kkkkkkk
Beijos!