segunda-feira, 30 de novembro de 2009

Me desculpe

Nem sempre as coisas acontecem como queremos e nem sempre falamos o que sentimos.
Sei que lhe devo desculpas.
Tento ser o melhor que posso, assumindo meu lado passivo, mas de repente já estou agindo impulsivamente e o que não era para acontecer, acaba acontecendo.
Vou mudar e tentar não cometer os mesmos erros.
Não queria e não quero te machucar.
Você está sempre ao meu lado e é o lado bom da minha vida.
Assim como voce é capaz de me entender, eu também serei capaz de melhorar e mudar.

Me desculpe.
Você é muito especial para mim.
É responsavel por eu acreditar que a felicidade está perto de mim.
Te ofereço o que tenho.
Minha Amizade.
Uma amizade que nos faz bem e é verdadeira.
Não queria que tudo acabasse por uma coisa tão futil e que me arrependi por ter feito.
Receba está mensagem carregada de desculpas...

domingo, 29 de novembro de 2009

CERCAS OU PONTES?

Dois irmãos que moravam em fazendas vizinhas, separadas apenas por um riacho, entraram em conflito.
Foi a primeira grande desavença em toda uma vida de trabalho lado a lado. Mas agora tudo havia mudado. O que começou com um pequeno mal entendido, finalmente explodiu numa troca de palavras ríspidas, seguidas por semanas de total silêncio.

Numa manhã, o irmão mais velho ouviu baterem à sua porta.
- Estou procurando trabalho, disse ele. Talvez você tenha algum serviço para mim.
- Sim, disse o fazendeiro. Claro! Vê aquela fazenda ali, além do riacho? É do meu vizinho. Na realidade do meu irmão mais novo. Nós brigamos e não posso mais suportá-lo. Vê aquela pilha de madeira ali no celeiro? Pois use para construir uma cerca bem alta.

- Acho que entendo a situação, disse o carpinteiro. Mostre-me onde estão a pá e os pregos.

O irmão mais velho entregou o material e foi para a cidade.
O homem ficou ali cortando, medindo, trabalhando o dia inteiro.
Quando o fazendeiro chegou, não acreditou no que viu: em vez de cerca, uma ponte foi construída ali, ligando as duas margens do riacho.

Era um belo trabalho, mas o fazendeiro ficou enfurecido e falou:

- Você foi atrevido construindo essa ponte depois de tudo que lhe contei. Mas as surpresas não pararam ai. Ao olhar novamente para a ponte viu o seu irmão se aproximando de braços abertos. Por um instante permaneceu imóvel do seu lado do rio.

O irmão mais novo então falou:

- Você realmente foi muito amigo construindo esta ponte mesmo depois do que eu lhe disse. De repente, num só impulso, o irmão mais velho correu na direção do outro e abraçaram-se, chorando no meio da ponte.

O carpinteiro que fez o trabalho, partiu com sua caixa de ferramentas.

- Espere, fique conosco! Tenho outros trabalhos para você. E o carpinteiro respondeu:
- Eu adoraria, mas tenho outras pontes a construir...

Já pensou como as coisas seriam mais fáceis se parássemos de construir cercas e muros e passássemos a construir pontes com nossos familiares, amigos, colegas do trabalho e principalmente nossos inimigos...

O que você está esperando?
Que tal começar agora !!

Muitas vezes desistimos de quem amamos por causa de mágoas e mal entendidos. Vamos deixar isso de lado, ninguém é perfeito, mas alguém tem que dar o primeiro passo.
Quanto mais amigos tiver, melhor vai se sentir, sabe por que??!!
É bom demais Amar e ser amado é melhor ainda.
Pense Nisso e Construa Pontes ao seu redor.

DESEJO QUE SEU DIA E SUA SEMANA SEJA MARAVILHOSA E REPLETA DE SUCESSO E AMOR.

sábado, 28 de novembro de 2009

MÁGOA



Mágoa é decorrente de tristeza, decepção, desilusão, amargura...
Você tem alguma? Todos a temos. Uns com menos, outros com mais.
Faça a si mesmo três perguntas:

Você assume que ocorreu afronta em termos muito pessoais?
Você culpa o autor da afronta por como você se sente?
Você criou ou tem uma história sobre a afronta?

Pois bem! Se a resposta for positiva para os três itens acima, a mágoa existe em seu coração.
Tomara que você já tenha conseguido dar uma resposta negativa para qualquer dos itens,
pois aí já estará no caminho de libertação desse sentimento que causa inclusive prejuízos à saúde.
Se existe mágoa e seus decorrentes prejuízos, o caminho é tentar compreender a pessoa que lhe causou tal sentimento.
Colocando-se no lugar dela, você entenderá e poderá partir para
extirpar o sentimento de si mesmo.
Perdoar não significa esquecer.
Temos memória.
Fica registrado.
Perdoar significa não sentir mágoa quando a lembrança surge.
Vamos tentar livrar-nos da mágoa?

Imagine uma casa.
Desenhe-a na mente com seus vários cômodos.
Normalmente colocamos a mágoa na sala de visitas e até a levamos na a varanda da frente.
Pois a todo momento estamos falando dela, recordando-a e sofrendo tudo novamente.
Ela se espalha pela casa toda, todo dia.
Vamos combinar algo novo: quando surge a lembrança, mandemos a mágoa para o quartinho dos fundos.
Deixemos lá que vai chegar um dia que faremos uma limpeza no quartinho e a jogaremos fora.
É a primeira providência.
Ir administrando a lembrança desagradável e desalojando-a de nosso dia-a-dia.
Tirando-a de nossa sala de visitas (entenda-se de nossa convivência) e mandando-a para o despejo da casa.
Um dia o tempo resolve isso.
Livremo-nos da mágoa.
Ela só nos faz mal.

E muito mal.
Faz sofrer, abala a saúde, transforma-se em câncer!
Se alguém nos decepciona, ilude, ofende, maltrata, o problema é dela, não nosso.
Vamos aceitar e passar recibo, entrando no mesmo nível?
Viemos para a felicidade.
Treinemos dispensar a mágoa de nossa convivência.
Ela não é uma boa companhia!
Há tanta companhia boa diferente.
Para que perder tempo com ela?

terça-feira, 24 de novembro de 2009

Momento de Harmonia

Um dia um homem já muito cansado
de tanto dar amor
e perceber que quanto mais amoroso ele se tornava
menos era correspondido,
em um destes momentos que
só os que realmente tem a fé em seu interior
conseguem sentir a infinita bondade do Pai,
ele parou e sentou em uma pedra,
olhando aquele mar azul anil
na contemplação da beleza da criação
em uma praia alva em um momento de solitude,
ele falou ao Pai:

Pai muito obrigado por ter me dado
o dom da amorosidade mesmo que o mundo
insista em não querer.

Pai não conceda nunca que eu renegue a amorosidade
mesmo que eu sofra com a ingratidão.

Pai que eu ame cada dia mais
mesmo sabendo que quanto mais me dou
mais me maltratam.

Pai que suas benções diárias
continuem a fortalecer-me
mesmo nos momentos em que estou tão frágil.

Pai que as ingratidões diárias não me maltrate
mesmo sabendo que são um prova de que
eu ainda necessito aprender mais.

Pai obrigado por ter me dado
a oportunidade da harmonia
mesmo vivendo em um mundo tão conturbado.

Pai por mais que a eu seja incompreendido.
Mesmo frente à arrogância e a prepotência
que eu tenha serenidade.

Pai mesmo que a dor da falsidade
insista em me maltratar
mesmo assim eu não perca o dom da bondade.

Pai por fim que o meu amor por ti
seja tão grande que nada,
nada mesmo mude meu rumo em direção a ti,
que cada dia mais tenha o entendimento
que eu sou um ser de PAZ.

Naquele momento aquele homem
sentiu uma brisa tão grande que foi
como se ele tivesse sendo levado ao encontro
de uma luz branca azulada muito forte.
Tudo em sua volta ficou branco e ele pode sentir
o amor e bondade do pai.

Temos que ser como a luz do sol que
diariamente nos banha e você nem percebe
o bem que ela te faz.

Temos que ser doador de muita luz
sem esperar nada de volta,
pois até a beleza da luz do luar é um mero reflexo
da bondade do sol.

Então nos tornemos um doador
com muita luz de amor e paz a todos que nos cercam,
pois nossa meta é sermos girassóis
sempre captando a luz do pai
e ao mesmo tempo doando sementes
para germinar novos seres.

James Luz

segunda-feira, 23 de novembro de 2009

Algumas das Melhores Coisas da Vida

A felicidade não depende do que nos falta, mas do bom uso do que temos.

Se apaixonar.
Rir até o rosto doer.
Um banho quente.
Um supermercado sem filas.
Um olhar especial.
Receber cartas.
Escutar sua música preferida no rádio.
Uma boa conversa.
Pegar uma boa praia.
Achar uma nota de R$50 na sua blusa de inverno do ano passado.
Rir de você mesmo!.
Ter alguém para te dizer que você é bonita.
Os amigos.
Ouvir acidentalmente alguem falar BEM de você.
Acordar e perceber que ainda faltam algumas horas para dormir.
Fazer novos amigos, ou ficar junto dos velhos.
Conversar a noite com seu colega de quarto.
Alguém brincar com seus cabelos.
Bons sonhos.
Viagens com os amigos.
Ganhar um jogo difícil.
Encontrar com um velho amigo, e descobrir que tem coisas que nunca mudam.
Descobrir que o amor é eterno e incondicional.
Abraçar a pessoa que você ama.
Ver no nascer do sol.
Levantar e agradecer a Deus por outro lindo amanhecer.

domingo, 22 de novembro de 2009

Confia em mim

A lei de Deus é sempre o Amor. Amor é luz que envolve o universo, é o éter vivificador, é a afeição dos espíritos dedicados, é a alegria dos bons, é a luta que aperfeiçoa.
Agar

Por que te agitas e confundes pelos problemas que te trazem a vida?
Deixa-me controlar todas tuas coisas e irão tornando-se melhores.
Quando te entregares totalmente a mim, todas as coisas serão resolvidas com tranqüilidade, de acordo com meus planos.
Não te frustres, não me ores como apressando-me, como se quisesses forçar-me a realizar teus planos.
Em vez disso, feches os olhos de tua alma e com paz diga-me: "JESUS EU CONFIO EM TI".

* Trate de evitar esses pensamentos que te angustiam ao querer compreender as coisas que te passam.
Não arruínes meus planos tratando de impor tuas idéias, deixa-me ser teu DEUS e atuar livremente em tua vida.
Entrega-te a mim com completa confiança e deixa teu futuro em minhas mãos.
Diga-me freqüentemente: "JESUS EU CONFIO EM TI".

* O que mais lastimas é quando tratas de analisar tudo de acordo com teus pensamentos, e tentas resolver teus problemas a tua maneira.
Quando me disseres: "JESUS EU CONFIO EM TI", não sejas como o impaciente que diz ao Médico: "cure-me", mas sugere a "melhor" forma de fazê-lo.
Deixa-te curar por meus braços divinos, não tenhas medo, eu te amo.

* Se vês que as coisas se tornam piores ou mais complicadas, ainda quando tu estás orando; mantenha-te confiante em mim, fecha os olhos de tua alma, e continua dizendo a cada hora: "JESUS EU CONFIO EM TI".
Necessito minhas mãos livres para poder manifestar-te minhas bênçãos.
Não ates minhas mãos com tuas absurdas preocupações.
Satanás quer que te frustres, fazer-te sentir triste, tirar-te a paz.
Confia em mim, descansa em mim, entrega-te a mim.

* Eu faço milagres na medida em que tu te entregas a mim e de acordo com a fé que me tens.
Assim não te preocupes, dá-me todas tuas frustrações e dorme em paz, e sempre diga-me: "JESUS EU CONFIO EM TI", e verás grandes milagres.
Te prometo com todo meu amor.
* JESUS *

sábado, 21 de novembro de 2009

Quando digo Deus, os olhos se fecham e a luz me ilumina...
Quando digo Deus, vejo meu tamanho real e espanto-me com minha vaidade...
Quando digo Deus, minha ignorância me envergonha...
Quando digo Deus, meu orgulho se abate...
Quando digo Deus, minha angústia de futuro se alivia...
Quando digo Deus, a correria desenfreada da vida perde o sentido...
Quando digo Deus, a ambição que atormenta desaparece...
Quando digo Deus, a arrogância dos sábios se dissolve no ar...
Quando digo Deus, a prepotência dos poderosos se desfaz na poeira...
Quando digo Deus, os caminhos se abrem para novos destinos...
Quando digo Deus, a chama do amor começa a me aquecer devagar...
Quando digo Deus, a vida se transforma numa caminhada mais leve...
Quando digo Deus, olho meus companheiros com esperança e afeto...
Quando digo Deus, os braços se abrem para as crianças...
Quando digo Deus, o pão fica mais saboroso em minha boca...
Quando digo Deus, o canto embala o meu trabalho...
Quando digo Deus, o sono vem e alivia o meu cansaço...
Quando digo Deus, o abraço e o beijo se purificam...
Quando digo Deus, a palavra amor faz sentido...
Quando digo Deus, minha voz é uma canção levada pelo vento...
Quando digo Deus, a noite cai em silêncio e a paz invade meu coração...
Quando digo Deus, é como se visse o milagre do amanhecer...
Quando digo Deus, não preciso dizer mais nada.

sexta-feira, 20 de novembro de 2009

Meu fofinho completa hoje 60 anos


Existe tanta coisa a ser celebrada no seu aniversario,
para começar, o quanto é bom poder ter te conhecido!

Seu sorriso caloroso, seu carinho
e o seu jeito tão preocupado sempre querendo ajudar.

Todas estas qualidades tem feito a vida das pessoas
que te rodeiam mais feliz.

Não é de se estranhar que os votos são radiantes
de felicidades e de muito amor.

É o seu dia, onde você pode fazer o que realmente
gosta e gastá-lo com as pessoas que você tanto ama!

E quando a celebração acabar
e tudo voltar a ficar calmo eu desejo este último
e pequeno presente:

A felicidade de saber que você sempre terá um lugar especial
nos corações de tantas pessoas!

Deus te abençoe neste dia tão feliz!!

Feliz Aniversário querido !

quinta-feira, 19 de novembro de 2009

Teu recomeço

A cada momento podes recomeçar uma tarefa edificante que ficou interrompida. Nunca é tarde para fazê-lo; todavia, é muito danoso não lhe dar prosseguimento.

Parar uma atividade por motivos superiores às forças é fenômeno natural. Deixá-la ao abandono é falência moral.

A vida é constituída de desafios constantes. Sai-se de um para outro em escala ascendente de valores e conquistas intelecto-morais.

Sempre há que se começar a vida de novo.

Uma decepção que parece matar as aspirações superiores; um insucesso que se afigura como um desastre total; um ser querido que morreu e deixou uma lacuna impreenchível; uma enfermidade cruel que esfacelou as resistências; um vício que, por pouco, não conduziu à loucura; um prejuízo financeiro que anulou todas as futuras aparentes possibilidades; uma traição que poderia ter-te levado ao suicídio, são apenas motivos para recomeçar de novo e nunca para se desistir de lutar.

Não houvesse esses fenômenos negativos na convivência humana, no atual estágio de desenvolvimento das criaturas, e os estímulos para o progresso e a libertação seriam menores.

Colhido nas malhas de qualquer imprevisto ou já esperado problema aterrador, tem calma e medita, ao invés de te deixares arrastar pela convulsão que se irá estabelecer. Refugia-te na oração, a fim de ganhares força e inspiração divina.

Como tudo passa, isto também passará, e, quando tal acontecer, faze teu recomeço, a princípio, com cautela, parcimonioso, até que te reintegre novamente na ação plenificadora.

Teu recomeço é síndrome de próxima felicidade.

Joanna de Ângelis

quarta-feira, 18 de novembro de 2009

Eu! Sentar ao lado de um negro?

Uma mulher branca, de aproximadamente 50 anos, chegou ao seu lugar na classe econômica e viu que estava ao lado de um passageiro negro.
Visivelmente perturbada, chamou a comissária de bordo.
'Qual o problema, senhora?', pergunta uma comissária.
Não está vendo'? - respondeu à senhora
-' vocês me colocaram ao lado de um negro. Não posso ficar aqui. Você precisa me dar outra cadeira '.
'Por favor, acalme-se - disse a aeromoça -
'infelizmente, todos os lugares estão ocupados.
Porém, vou ver se ainda temos algum disponível'.
A comissária se afasta e volta alguns minutos depois.
'Senhora, como eu disse, não há nenhum outro lugar livre na classe econômica.
Falei com o comandante e ele confirmou que não temos mais nenhum lugar nem mesmo na classe executiva.
Temos apenas um lugar na primeira classe'. E antes que a mulher fizesse algum comentário, a comissária continua:
'Veja, é incomum que a nossa companhia permita a um passageiro da classe econômica se assentar na primeira classe. Porém, tendo em vista as circunstâncias, o comandante pensa que seria escandaloso obrigar um passageiro a viajar ao lado de uma pessoa desagradável’.
E, dirigindo-se ao senhor negro, a comissária prosseguiu:
Portanto, senhor, caso queira, por favor, pegue a sua bagagem de mão, pois reservamos para o senhor um lugar na primeira classe...
E todos os passageiros próximos, que, estupefatos, assistiam à cena, começaram a aplaudir, alguns de pé.

'Quando a última árvore for cortada,
Quando o último peixe for pescado,
Quando o último rio for poluído,
Aí sim, o homem verá que dinheiro não se come!'
(GREENPEACE)

terça-feira, 17 de novembro de 2009

A imperfeição da amizade


Procure corrigir com calma aqueles que erram, e saiba relevar as imperfeições dos outros, da mesma forma que espera a compreensão dos outros para os seus erros.

E o que pode doer mais se não a indiferença, a falta de presença de pessoas tão especiais?
Uma dor atroz, muito maior que aquela sentida caso tivessemos uma ferida aberta e sobre ela fizessem uma enorme pressão.
Devia ser proibido tais atitudes vindas de uma pessoa a quem chamamos de amigo. Tais atitudes deveriam ser punidas, ou melhor, não deviam sequer existir. Atitudes que nos ferem, que nos magoam tanto...talvez nem eles saibam o quanto.
E é quando sou alvo destes sentimentos, destas atitudes, que sempre me pergunto...afinal de contas o que é a Amizade?
"A amizade é o conforto indescritível de nos sentirmos seguros com uma pessoa, sem ser preciso pesar o que pensa, nem medir o que se diz". George Eliot
Isto existe? Conseguimo-nos sempre sentir seguros, confiar plenamente numa pessoa? Todos os nossos segredos, defeitos? Será? Conseguimos falar de todos os assuntos, mesmo aqueles mais íntimos, com 100% de certeza de que a outra pessoa nunca nos irá trair? Isto existe? Gostava de saber que sim...mas não experimento dessa segurança toda...
Para ter tais niveis de confiança com uma pessoa é preciso viver muitas situações com ela, ter provas reais de que ela nunca nos irá deixar ficar mal, mas sabem? A certa altura há sempre uma atitude, um gesto, uma palavra que nos é dirigida e que nos magoa, que nos deita abaixo porque não estavámos á espera, não daquela pessoa, não daquele amigo...e tudo vai por água abaixo, a confiança que se estava a ganhar se desvanece e a
insegurança volta com toda a força...e isto é um ciclo, é sempre assim.
A quantidade e a qualidade da amizade não se mede com palavras, com a quantidade de vezes que se ouve "gosto de ti", não...mede-se sim com a atitude naquele momento mais crítico, aquele olhar meigo que nos conforta, aquele sorriso que nos anima, aquele abraço que nos aconchega, a lágrima na despedida, a alegria no regresso.
Na amizade também tem que constar o "perdão". Saber perdoar, já dizia o outro, é uma virtude. Mas agora pergunto eu, quantas pessoas a têm?Quantos amigos nos perdoam quando fazemos algo de errado, quando mesmo sem querer os magoamos, quando temos ideias contrárias e a discussão acontece, quantos são aqueles que nos perdoam?Poucos...muito poucos.
Com este texto não quero dizer que a Amizade não existe, mas que é rara, e muito, isso ninguém pode negar. É rara e imperfeita, não é aquele mar de rosas de que todos falam, aquele sentimento perfeito, sem falhas, isso são balelas! A amizade é cheia de imperfeições, contradições, tristezas, mágoas, angústias, dor, desavenças...mas que mesmo assim prevalece e segue em frente.

E por isso hoje estou triste, angustiada, porque a amizade é mesmo assim, imperfeita!
Patricia Santos

domingo, 15 de novembro de 2009

É proibido (Pablo Neruda)


É proibido chorar sem aprender,
Levantar-se um dia sem saber o que fazer
Ter medo de suas lembranças.
É proibido não rir dos problemas
Não lutar pelo que se quer,
Abandonar tudo por medo,
Não transformar sonhos em realidade.
É proibido não demonstrar amor
Fazer com que alguém pague por tuas dúvidas e mau-humor.
É proibido deixar os amigos
Não tentar compreender o que viveram juntos
Chamá-los somente quando necessita deles.
É proibido não ser você mesmo diante das pessoas,
Fingir que elas não te importam,
Ser gentil só para que se lembrem de você,
Esquecer aqueles que gostam de você.
É proibido não fazer as coisas por si mesmo,
Não crer em Deus e fazer seu destino,
Ter medo da vida e de seus compromissos,
Não viver cada dia como se fosse um último suspiro.
É proibido sentir saudades de alguém sem se alegrar,
Esquecer seus olhos, seu sorriso, só porque seus caminhos se desencontraram,
Esquecer seu passado e pagá-lo com seu presente.
É proibido não tentar compreender as pessoas,
Pensar que as vidas deles valem mais que a sua,
Não saber que cada um tem seu caminho e sua sorte.
É proibido não criar sua história,
Deixar de dar graças a Deus por sua vida,
Não ter um momento para quem necessita de você,
Não compreender que o que a vida te dá, também te tira.
É proibido não buscar a felicidade,
Não viver sua vida com uma atitude positiva,
Não pensar que podemos ser melhores,
Não sentir que sem você este mundo não seria igual.

sexta-feira, 13 de novembro de 2009

quinta-feira, 12 de novembro de 2009

terça-feira, 10 de novembro de 2009

Sábia Natureza

Que pena que o ser humano é egoista... Um exemplo "animal" que poderá ser seguido em mil formas pra tantas necessidades de socialidade...
Será que um dia chegamos lá ?
Nada a ver ou tudo a ver com quem por ventura tiver um "codinome" que lembre o dócil animal/mãe, Tigresa !
Veja as fotos e leia o pequeno relato.
Carinhos,

A NATUREZA É SÁBIA

Num zoológico na Califórnia , uma fêmea tigre deu à luz , coisa rara, filhotes triplos. Infelizmente, devido as complicações na gravidez, os filhotes nasceram prematuros e devido ao tamanho deles, eles morreram logo após nascerem.
Após se recuperar do parto,a tigresa, de repente começou a ficar fraca, apesar de que fisicamente estava bem. Os veterinários deduziram que a perda dos filhotes levou-a à depressão. Os veterinários decidiram que se ela pudesse cuidar de filhotes de outra tigresa, ela poderia se recuperar da depressão.
Após percorrerem todos os zoológicos do pais, descobriram que não existia nenhum filhote de tigre recém nascido para dar à tigresa . Os veterinários então decidiram tentar algo que nunca tinha sido tentado num zoológico antes.
Algumas vezes uma mãe de uma espécie pode vir a tomar conta de uma espécie diferente. Os únicos orfãos que eles conseguiram achar, eram uns filhotes de porca.
A equipe do zoológico e os veterinários enrolaram os filhotes de porca em peles de tigre e os colocaram perto da tigresa.
Será que os porquinhos se tornariam filhotes de tigre ou 'costeletas' de porca ??
Dê uma olhada......você não vai acreditar !!





segunda-feira, 9 de novembro de 2009

APRENDENDO NAS QUEDAS

Por que será que nos lamentamos tanto quando nos decepcionamos, perdemos e erramos?
O mundo não acaba quando nos enganamos;
ele muda, talvez, de direção. Mas precisamos tirar partido dos nossos erros.

Por que tudo teria que ser correto, coerente, sem falhas? As quedas fazem parte da vida e do nosso aprendizado dela. Que dói, dói. Ah! Isso não posso negar! Dói no orgulho, principalmente.
E quanto mais gente envolvida, mais nosso orgulho dói. Portanto, o humilhante não é cair, mas permanecer no chão enquanto a vida continua seu curso.

O problema é que julgamos o mundo segundo nossa própria maneira de olhar e nos esquecemos que existem milhões e milhões de olhares diferentes do nosso.
Mas não está obrigatoriamente errado quem pensa diferente da gente só porque pensa diferente. E nem obrigatoriamente certo. Todo mundo é livre de ver e tirar suas próprias conclusões sobre a vida e sobre o mundo. Às vezes acertamos, outras erramos.
E somos normais assim.

Então, numa discussão, numa briga, pare um segundo e pense: "E se eu estiver errado?"
É uma possibilidade na qual raramente queremos pensar. Nosso "eu" nos cega muitas vezes. Nosso ciúme, nosso orgulho e até, por que não, nosso amor. Não vemos o lado do outro e nem queremos ver. E somos assim, muitas vezes injustos tanto com o outro quanto com a gente mesmo, já que nos recusamos a oportunidade de aprender alguma coisa com alguém.

E é por que tanta gente se mantém nessa posição que existem desavenças, guerras, separações. Ninguém cede e as pessoas acabam ficando sozinhas.
E de que adianta ter sempre razão, saber de tudo, se no fim o que nos resta é a solidão? Vida é partilha. E não há partilha sem humildade, sem generosidade, sem amor no coração.

Na escola, só aprendemos porque somos conscientes de que estamos lá porque não sabemos ainda; na vida é exatamente a mesma coisa. Se nos fecharmos, se fecharmos nossa alma e nosso coração, nada vai entrar. E será que conseguiremos nos bastar a nós mesmos?
Eu duvido.

Não andamos em cordas bambas o tempo todo, mas às vezes é o único meio de atravessar. Somos bem mais resistentes do que julgamos; a própria vida nos ensina a sobreviver,
viver sobre tudo e sobretudo.

Nunca duvide do seu poder de sobrevivência! Se você duvida, cai. Aprenda com o apóstolo Pedro que, enquanto acreditou, andou sobre o mar, mas começou a afundar quando sentiu medo.

Então, afundar ou andar sobre as águas? Depende de nós, depende de cada um em particular. Podemos nos unir em força na oração para ajudar alguém, mas só esse alguém pode decidir a ter fé, força e coragem para continuar essa maravilhosa jornada da vida.
(Letícia Thompson)

domingo, 8 de novembro de 2009

Esconde-esconde



Contam que, uma vez, se reuniram todos os sentimentos, qualidades e defeitos dos homens em um lugar da terra.

Quando o ABORRECIMENTO havia reclamado pela terceira vez, a LOUCURA, como sempre tão louca, lhes propôs:
- Vamos brincar de esconde-esconde?
A INTRIGA levantou a sobrancelha intrigada e a CURIOSIDADE, sem poder conter-se, perguntou:
- Esconde-esconde? Como é isso?
- É um jogo. explicou a LOUCURA, em que eu fecho os olhos e começo a contar de um a um milhão enquanto vocês se escondem, e quando eu tiver terminado de contar, o primeiro de vocês que eu encontrar ocupará meu lugar para continuar o jogo.
O ENTUSIASMO dançou seguido pela EUFORIA. A ALEGRIA deu tantos saltos que acabou por convencer a DÚVIDA e até mesmo a APATIA, que nunca se interessava por nada. Mas nem todos quiseram participar:
A VERDADE preferiu não esconder-se. - "Para que, se no final todos me encontram?" - Pensou. A SOBERBA opinou que era um jogo muito tonto e a COVARDIA preferiu não arriscar-se.
- Um, dois, três, quatro... - Começou a contar a LOUCURA.
A primeira a esconder-se foi a PRESSA, que como sempre caiu atrás da primeira pedra do caminho. A FÉ subiu ao céu e a INVEJA se escondeu atrás da sombra do TRIUNFO, que com seu próprio esforço tinha conseguido subir na copa da árvore mais alta.
A GENEROSIDADE quase não conseguiu esconder-se, pois cada local que encontrava, lhe parecia maravilhoso para algum de seus amigos: Se era um lago cristalino, ideal para a BELEZA. Se era a copa de uma árvore, perfeito para a TIMIDEZ. Se era o vôo de uma borboleta, o melhor para a VOLÚPIA. Se era uma rajada de vento, magnífico para a LIBERDADE. E assim, acabou escondendo-se em um raio de sol.
O EGOÍSMO, ao contrário, encontrou um local muito bom desde o início. Ventilado, cômodo, mas apenas para ele. A MENTIRA escondeu-se no fundo do oceano (mentira, na realidade, escondeu-se atrás do arco-íris) e a PAIXÃO e o DESEJO, no centro dos vulcões. O ESQUECIMENTO, não recordo-me onde escondeu-se, mas isso não é o mais importante.
Quando a LOUCURA estava lá pelo 999.998, o AMOR ainda não havia encontrado um lugar para esconder-se, pois todos já estavam ocupados, até que encontrou uma rosa e, carinhosamente, decidiu esconder-se entre suas flores.
- Um milhão! - terminou de contar a LOUCURA e começou a busca.
A primeira a aparecer foi a PRESSA, apenas a três passos de uma pedra. Depois, escutou-se a FÉ discutindo com DEUS, no céu, sobre zoologia. Sentiu vibrar a PAIXÃO e o DESEJO nos vulcões. Em um descuido, encontrou a INVEJA e claro, pode deduzir onde estava o TRIUNFO.
O EGOÍSMO, não teve nem que procurá-lo. Ele sozinho saiu disparado de seu esconderijo, que na verdade era um ninho de vespas. De tanto caminhar, sentiu sede e ao aproximar-se de um lago, descobriu a BELEZA. A DÚVIDA foi mais fácil ainda, pois a encontrou sentada sobre uma cerca sem decidir de que lado esconder-se.
E assim foi encontrando a todos: O TALENTO entre a erva fresca, a ANGÚSTIA em uma cova escura, a MENTIRA atrás do arco-íris (mentira, estava no fundo do oceano) e até o ESQUECIMENTO, que já havia esquecido que estava brincando de esconde-esconde.
Apenas o AMOR não aparecia em nenhum local. A LOUCURA procurou atrás de cada árvore, em baixo de cada rocha do planeta e em cima das montanhas.
Quando estava a ponto de dar-se por vencida, encontrou um roseiral. Pegou uma forquilha e começou a mover os ramos, quando, no mesmo instante, escutou-se um doloroso grito. Os espinhos tinham ferido o AMOR nos olhos. A LOUCURA não sabia o que fazer para desculpar-se. Chorou, rezou, implorou, pediu e até prometeu ser seu guia.
Desde então, desde que pela primeira vez se brincou de esconde-esconde na terra:
O AMOR é cego e a LOUCURA sempre o acompanha...


Tenha um ótimo e produtivo dia!
Um abraço,um beijinho no coração.

sábado, 7 de novembro de 2009

Esta é você


"Valorize acima de tudo o amor que você recebe. Ele continuará a existir depois do seu ouro e da sua saúde terem acabado."

Linda e extramente bela como seu sorriso
Amiga e companheira nas horas difíceis
Sua simpatia e exuberante, mas
Sempre meio nervosinha
O seu sorriso e sempre um bom motivo de ser engraçada
Mas o seu essencial mesmo e a qualidade de ser companheira
Com seu jeito humilde sempre compreensiva dando-lhe
O mérito de ser muito especial
É incrível sua veracidade de ser carinhosa
Sempre determinante no seu essencial
No meio dos amigos sua presença e fundamental
E indispensável quando se é necessária
O seu caráter e primordial diante dos que admira
O seu sinônimo e respeitável e notável aonde chega
Buscando a relevante e significativa opinião de quem não cala
Com seu jeito cativante e sempre agradável és franca e
Entre as mulheres e a mais bela e inteligente
Enfim, uma pessoa difícil de encontrar,
E muito fácil de guardar nas lembranças daqueles
Que sempre estão ao seu lado...

Autor Desconhecido

sexta-feira, 6 de novembro de 2009

Dicas


Dicas de um renomado executivo.
Vale a pena ler, meditar e agir!
São frases que já conhecemos, mas às vezes é bom ler e lembrar porque na corrida do dia-a-dia ficam no esquecimento.

Palestra de Brian Dyson
(ex-presidente da Coca-Cola)

"Imagine a vida como um jogo, no qual você faz malabarismo com cinco bolas que são lançadas no ar... Essas bolas são: o trabalho, a família, a saúde, os amigos e o espírito..

O trabalho é a única bola de borracha. Se cair, bate no chão e pula para cima. Mas as quatro outras são de vidro. Se caírem no chão, quebrarão e ficarão permanentemente danificadas.

Entendam isso e assim conseguirão o equilíbrio na vida".

Como?
Não diminua seu próprio valor comparando-se com outras pessoas.
Somos todos diferentes. Cada um de nós é um ser especial.

Não fixe seus objetivos com base no que os outros acham importante.
Só você tem condições de escolher o que é melhor para si próprio.

Dê valor e respeite as coisas mais queridas de seu coração.
Apegue-se a ela como a própria vida. Sem elas a vida carece de sentido.

Não deixe que a vida escorra entre os dedos por viver no passado ou no futuro.
Se viver um dia de cada vez, viverá todos os dias de suas vidas.

Não desista enquanto ainda é capaz de um esforço a mais.
Nada termina até o momento em que se deixa de tentar.

Não tema admitir que não é perfeito.
Não tema enfrentar riscos. É correndo riscos que aprendemos a ser valentes.

Não exclua o amor de sua vida dizendo que não se pode encontrá-lo. A melhor forma de receber amor é dá-lo. A forma mais rápida de ficar sem amor é apegar-se demasiado a si próprio. A melhor forma de manter o amor é dar-lhe asas. Corra atrás de seu amor, ainda dá tempo!

Não corra tanto pela vida a ponto de esquecer onde esteve e para onde vai.
Não tenha medo de aprender. O conhecimento é leve. É um tesouro que se carrega fácilmente.

Não use imprudentemente o tempo ou as palavras. Não se pode recuperar uma palavra dita.
A vida não é uma corrida, mas sim uma viagem que deve ser desfrutada a cada passo.


Lembre-se: Ontem é historia.
Amanhã é mistério.
E hoje é uma dádiva. Por isso se chama "presente".

quinta-feira, 5 de novembro de 2009

Voz da Saudade

Saudade é quand'alma chora
O vazio que em nós ficou
De tudo o que foi embora
E na vida nos tocou !...

É a voz das emoções
Que acorda o sentimento
Em rios de divagações
Que correm sempre em lamento.

É lembrança entristecida
Que em nós dói profundamente
Dum alguém da nossa vida
Que partiu ou está ausente...

É dor no peito calada
E que a nossa alma invade
De memórias feitas nada...
Apenas... Voz da saudade !...
(Euclides Cavaco)

domingo, 1 de novembro de 2009

Higiene mental

Tem horas que realmente tudo pesa, tudo fica dificil e sufocante... a mente parece que entrou num turbilhão, onde não encontra um pensamento seguro onde se firmar. É a pressão no trabalho, dificuldades no convívio familiar ou social, contas a pagar, sonhos as vezes frustados...o que leva a escutar inúmeras pessoas dizerem "estou numa fossa".
Realmente a pessoa se sente como no meio de detritos, senão orgânicos e materiais, com certeza mentais e sentimentais. Curioso por que, a tempos somos cientes da necessidade da assepsia, da limpeza, enfim, da higiene. Cuidamos da lavagem de nossa roupa, selecionamos o alimento que vamos ingerir, limpamos nossa casa para deixa-la confortavel, com aquele ar gostoso de lar, tomamos nosso banho mantendo a higiene pessoal, mas dificilmente pensamos na necessidade da higiene mental e sentimental. Recordo que quando menino minha mãe chamava minha atenção "menino não pega isso do chão, não toca naquilo, etc".
Nós crescemos e muitas vezes só trocamos as porcarias que andamos pegando. Hoje nós "pegamos" ódio, mágoa, raiva, inveja, tristeza, etc, e demais tranqueiras que vamos encontrando por ai no dia-a-dia.
Vamos tratando nossa mente e nosso coração como um daqueles quartinhos dos fundos onde se vai jogando tudo o que é quinquilharia. Aquele que chega uma hora nós temos até medo de abrir, porque pode cair tudo em cima de nossas cabeças. Só que, inevitavelmente, teremos que fazer essa limpeza um dia, antes que se espalhe para o restante da casa. É dai que surgem inúmeras enfermidades por guardarmos "tranqueiras" emocionais. A sede de revidar a ofensa, criando úlceras cruéis e distonias perniciosas.As angustias cultivadas podem gerar crises nervosas, enxaquecas, entre outros males.
A inveja, a colera, a competição malsã provocam indigestões, hepatites, diabetes, artrite, hipertensão entre outros disturbios. O desamor pessoal, o complexo de inferioridade, as mágoas, a autopiedade favorecem o câncer de mama, nas mulheres, e de próstata, nos homens, além de disfunções cardiacas, dos infartos brutais e outras doenças. Diante disso é hora de procurarmos a limpeza de nosso intimo.
Momento mais que urgente de fazermos uma varredura em nossa consciência e higieniza-la dos males que nós mesmos cultivamos. Vamos procurar selecionar nossos pensamentos, retirando o pessimismo e as visões desagradáveis. Tiremos do coração as amarguras e decepções. Não foi sem razão que Jesus proferiu em seu sermão da montanha: Bem-aventurados os puros de coração, porque verão a Deus.
Verão a Deus em sua vida, nos seus afazeres, nas pessoas que estão ao seu redor, porque as janelas da alma não estarão embassadas da poeira do negativismo e das aflições. Estarão abertas para a entrada do Sol do amor e da paz que encontrarão espaço, limpo, arejado em nosso intimo para se assentar. Tenhamos o hábito de encontrar nem que seja 10 minutos diários para fazer uma parte de higiene mental. Nos recolhamos num local mais tranquilo, afastando a mente do mundo lá fora, relaxando nosso corpo, da cabeça aos pés e voltando os olhos para nosso intimo. Purifiquemo-o com a calma e o otimismo, se possivel, coloquemos uma música suave que acalente nossa alma e pensemos em coisas agradaveis, uma paisagem, um sorriso de um amigo, um olhar de ternura, o riso de uma criança... nos deixemos embalar na sensação de paz que decorre de cada imagem e sentimento agradavel durante esses minutos... podemos ficar certos que estaremos muito mais dispostos para enfrentar o dia. No demais, dia-a-dia trabalhemos com afinco, com determinação, depositando amor, fé e esperança, tanto dentro de nossos corações, como fora, em nossas ações. Assim poderemos todos os dias andar mais leves e respirar mais fácil, seguindo com o mais puro amor as situações que a vida nos apresentar.